Nicolas Maduro

Maduro é reeleito presidente da Venezuela.

  • 15
    Shares

Nicolás Maduro é reeleito presidente da Venezuela.

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, foi reeleito para mais 6 anos de mandato com uma abstenção de 54% em meio a uma eleição boicotada pela maioria das forças da oposição e com denúncias de fraudes. Segundo o Conselho Nacional Eleitoral (CNE), Maduro ganhou o pleito com 5.823.728 votos. Até as 23h30 deste domingo, os votos de 96,6% das urnas tinham sido apurados. Ainda segundo dados oficiais do CNE, a participação dos eleitores chegou a 46%. Nas últimas eleições presidenciais, celebradas em 2013, 80% dos eleitores compareceram aos colégios eleitorais. Ao longo do dia, a maioria das ruas da Venezuela registravam muito pouco trânsito e os colégios eleitorais estavam quase vazios.

O único adversário real de Maduro era Henri Falcón, que obteve 1,8 milhões de votos. O líder opositor declarou minutos antes do anúncio do resultado que não reconhecia o processo eleitoral deste domingo e exigiu a convocação de novas eleições. O candidato da oposição afirmou ter recebido 900 denúncias de irregularidades na jornada eleitoral. Com um tom enfático, ele criticou o “descaro” e o “vantagismo” do chavismo no pleito.

O processo eleitoral deveria terminar oficialmente às 18h (19h de Brasília), mas algumas escolas ficaram abertas uma hora e meia após esse horário em várias partes do país. Maduro votou pouco antes das 6h ao colégio Miguel Antonio Caro, em Caracas. “Fui o primeiro votante da pátria (…) sempre em primeiro nas batalhas pela nossa soberania, pelo direito à paz”, declarou o líder chavista.

Alguns países como Argentina e Chile afirmaram que não irão reconhecer as eleições presidenciais venezuelanas, além da União Europeia. O secretário de Estado dos Estados Unidos, Mike Pompeo, classificou as eleições presidenciais na Venezuela como “fraudulentas” e disse que elas “não mudam nada” no cenário do país.

Fonte: El País

Veja também

Eleições na Venezuela: Henri Falcón X Nicolás Madu... por Radio France Internationale O ex-militar é considerado traidor por chavistas e anti-chavistas, a ponto de merecer o apelido de "Cavalo de Tróia" ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *